David Fonseca / Theatro Circo

A noite começou com Rita Redshoes, companheira de palco de David Fonseca, a dar um pequeno, mas bom espectáculo. Sai ela do palco, e já está David Fonseca, no meio da plateia de guitarra pronta para tocar a sua primeira música da noite – Dreams in Colour, música que dá o título ao seu último álbum. O músico de Leiria mudou-se depois, definitivamente para o palco, onde sua banda já o aguardava. A partir daí foram mais de duas horas de muita música, conversa e boa disposição.

O palco, esse, tinha uma câmara para cada músico, que os filmaram durante todo o espectáculo. Assim, as imagens a preto e branco em tempo-real de cada um deles estiveram projectadas no fundo do palco durante quase todo o tempo, sendo apenas intercaladas com outros filmes relacionados com algumas músicas.

Ao longo do concerto, David Fonseca passeou entre os seus três álbuns, tendo sido esse passeio aqui e ali interrompido por algumas covers (incluindo da sua antiga banda – os Silence 4). Dos seus álbuns tocou por exemplo a Someone That Cannot Love, Hold Still (com a colaboração de Rita Redshoes) e uma música bastante bonita cantada em português chamada Adeus, Não Afastes os Teus Olhos dos Meus.

O que para mim foi o melhor momento da noite, surgiu com um velho telefone (que servia de microfone) que David Fonseca tinha em palco, a partir do qual (e com alguns efeitos visuais e não só, à mistura) tocou uma inesperada mas muito bem-vinda Video Killed the Radio Star (dos ingleses The Buggles), e logo depois The 80’s, música do seu primeiro álbum a solo – “Sing Me Something New”. Aqui grande parte do público desinibiu-se e largou as cadeiras por uns minutos, cumprindo à risca o que se dizia na letra da The 80’s.

Por entre grandes conversas sobre escuteiros, desejos parvos e Céline Dion, entre outras coisas, David Fonseca conseguiu mesmo agarrar o público presente (bastante heterogéneo, por sinal), deixando toda ou quase toda a gente com uma excelente impressão da sua prestação ao vivo.

Ele demonstrou que gosta de dar concertos, e foi esse o passo decisivo para o excelente concerto que ofereceu ao público bracarense.

PS: Se alguém tiver alguma foto do concerto que queira mandar para ilustrar o post, agradeço.

FPL 9000
Anúncios

~ por FPL 9000 em 180208.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: