O dia 10 do Alive!08 em (outras) poucas palavras

Vampire Weekend: Já os tinha visto e parecem repetir sempre a forma de dar concertos. O facto das músicas serem curtas ajuda a trazer sempre um novo animo. Não desiludem os fãs.

Spiritualized: Canções agradáveis com o pôr-do-sol de fundo.

The National: Sempre grandes concertos. Mesmo num espaço que não favorece a sua música, mostraram que se adaptam a qualquer situação. Num bom alinhamento, o momento maior voltou a ser Mr. November, com a canção a ser entoada por grande parte do público.

Peaches: Em formato DJ set, Peaches foi passando músicas atrás de uns óculos escuros bastante peculiares. O set esteve a altura das músicas da sua autoria e o espaço mais vazio (devido ao concerto dos Gogol Bordello que estava a acontecer na mesma altura) favoreceu o concerto. A loucura completa aconteceu em Fuck the Pain Away. Toda a gente preferiria ver Peaches em nome próprio, mas este DJ set não desiludiu os fãs que fizeram questão de vê-la.

The Hives: Foi um bom concerto apesar do público não corresponder, na totalidade, aos apelos insistentes de Pelle Almquist. A banda mostrou uma energia inesgotável e uma grande presença em palco. Caso a cabeça do público não estivesse já em Rage Agaist the Machine, teria sido um concerto mais intenso.

Rage Against the Machine: Com certeza não sou a pessoa mais indicada para falar deste concerto. Com uma mensagem política muito forte nas suas músicas, pareceu-me estranho que os RATM se tivessem juntado outra vez, por, ao que me parece, os mais simples motivos capitalistas. Foi um bom concerto, embora talvez pequeno para a dimensão da banda. Muita confusão no público durante o concerto, o que obrigou gente mais desprevenida a ir para trás, onde já só se via a banda a partir dos ecrãs gigantes colocados ao lado do palco. Um concerto para agradar aos fãs, mas que pessoalmente não me conquistou. Pareceu-me tudo demasiado automático, apesar da grande energia em palco. Apenas profissionalismo.

ACG 9000
Anúncios

~ por ACG 9000 em 140708.

2 Respostas to “O dia 10 do Alive!08 em (outras) poucas palavras”

  1. Não consigo perceber a onda de fanatismo em torno dos vampire weekend, mas parece que foi um bom concerto, pelo que tenho lido. Não viste MGMT? Tinha ideia que ia ser um grande grande concerto, mas, mais uma vez, pelo que tenho lido, não foi.

    Vemo-nos por Guimarães na sexta ou nem por isso?
    Beijo*

  2. Pois, os MGMT do pouco que vi foram um bocado como o ano passado os Klaxons… uma álbum muito fixe, mas depois ao vivo perdem-se um bocado.

    Não, desta nos os vou ver.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: