Summer is forever

Nathan Williams (Wavves) sempre mostrou dotes na altura de criar melodias pop bastante agradáveis ao ouvido – mesmo por trás de montes de ruído, distorção e uma (falta de?) produção que lhe valeu tantos elogios como críticas em “Wavves” (2008) e “Wavvves” (2009), Williams fez canções altamente trauteáveis, como são aliás a No Hope Kids e a So Bored bons exemplos. Em “King of the Beach”, o novo trabalho do californiano, os tais dotes tornam-se mais evidentes, já que este enverga por uma nova sonoridade bem mais tradicional, onde é mais difícil esconder possíveis incapacidades enquanto músico. Ainda assim, não se espere de forma nenhuma um som muito limado, nem – felizmente! – mudanças no espírito da coisa, como aliás, se pode antever pelo título do álbum (ou pela sua capa). A aura punk/DIY (com algumas aspas) continua lá, mas agora ainda mais pop e com alguns refrãos a fazer lembrar, espantem-se, os Blink-182. E isso não tem mal nenhum num disco onde existe uma canção chamada Super Soaker. “King of the Beach” não é o melhor conjunto de canções de sempre, nem sequer dos últimos meses; mas como se diz por aí, pode em muitos momentos ter algumas das melhores canções de sempre nesse preciso momento. E é só isso que se quer.

FPL 9000
Anúncios

~ por FPL 9000 em 140710.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: